FOLLOW US

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle

© 2017 All rights reserved // powered by doisigualatres.com.

"Especial Verão – Gelatarias"

"SINCELO

 

Topping aqui não entra: "Não é natural" Percebe-se um orgulho bem-humorado nas palavras de António Manuel quando fala do seu gelado de iogurte, o hit do momento na gelataria Sincelo. Há o natural, o com Nestum, frutos silvestres... "Todos dizem que é o número um", refere, "eu acredito". Afinal, muitos também o dizem da Sincelo e a verdade é que já leva 33 anos a servir gelados na Baixa portuense, na Rua de Ceuta. "A qualidade é o segredo da longevidade", afirma, "só assim se consegue chegar lá acima e lá ficar". A qualidade do que é artesanal: "É tudo natural, com produtos bons, sem pozinhos. A fruta vem das árvores." E a qualidade, continua, foi a única coisa que não mudou na Sincelo desde que António Manuel e o pai decidiram montar a gelataria. Foi, aliás, o pai que o propôs, ele que viajava muito pela Europa, Itália incluída, e gostava muito de gelados. Sem nenhuma experiência, António Manuel mudou de vida. Aprendeu as bases do ofício com uma profissional da casa que lhes montou a gelataria, a partir daí foi modificando de acordo com o seu gosto. As taças, elaboradas, continuam a ser a imagem da casa, mesmo agora quando "se comem mais copinhos, mais baratos": "Permitem várias formas de apresentação, bolas maiores, bolas menores." Certo é que os toppings são interditos, "não são naturais" - "só uso chocolate derretido e compota feita aqui". Usa também gelatina, desde sempre: "Foi uma novidade e até hoje ainda não vi em lado nenhum." Em mais lado nenhum viu também o gelado de amora que este Verão também faz parte dos destaques da casa - ao lado do coco com chocolate. As panquecas e os crepes também são famosos ("fazemos a massa todos os dias e preparamos na hora"), mas apenas como acompanhamento de gelados (dois sabores, chocolate ,quente e chantilly). "Somos 99,9 por Cento gelados", diz António Manuel. Por isso, têm 50 sabores que vão rondando ao longo do ano. Para suprir as dificuldades da sazonalidade do negócio, que até tem aberto novos caminhos, sobretudo no take-away: as embalagens de quilo para levar para casa têm saída todo o ano, para festas de aniversário e até para jogos de futebol. "

 

 

 

 

 

 

Please reload